Connect with us

Notícias

Prefeitura de Indaiatuba dá início ao projeto piloto de aulas de Skate na segunda-feira (18)

Artigo

em

  • Publicação: 15/10/2021 09:38h
  • Redator(es): Fábio Alexandre
  • Release N.º: 1250

A Prefeitura de Indaiatuba, por meio da Secretaria Municipal de Esportes, dá início na próxima segunda-feira (18) ao projeto piloto de aulas de Skate. No total, serão seis turmas de diferentes faixas etárias, com aulas realizadas no Skate Park, localizado na Avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, no Jardim Esplanada. Para participar, não é preciso ter skate, uma vez que o equipamento será emprestado aos alunos, assim como materiais de proteção como capacete, joelheira e cotoveleira.

“O projeto piloto surgiu da crescente procura da população pela pista de skate. Assim, atenderemos neste primeiro momento um total de 60 alunos, com idades entre 6 a 14 anos, que poderão aprender ou aprimorar suas técnicas no esporte”, comenta o secretário municipal de Esportes, Marcos Antônio de Moraes, o Marquinhos.

As aulas acontecerão às segundas e quartas-feiras. Na parte da manhã, alunos de 6 a 8 anos participam das aulas das 8h10 às 9h10. Alunos de 9 a 11 anos, das 9h20 às 10h20. Alunos de 12 a 14 anos, das 10h30 às 11h30. Na parte da tarde, alunos de 12 a 14 anos terão aula das 14h10 às 15h10, alunos de 9 a 11 anos das 15h20 às 16h20, e alunos de 6 a 8 anos, das 16h30 às 17h30.

Os instrutores serão Claudio Meireles de Jesus, conhecido como Cobra, e Felipe Novaes, que serão acompanhados por Giovanni Fernandes Vieira, profissional de Educação Física da Secretaria Municipal de Esportes. “O projeto é voltado para iniciantes, aqueles que nunca andaram de skate, e também para aqueles que já possuem uma base, mas querem aprimorar suas técnicas”, enfatiza Cobra, que começou a andar de skate aos 14 anos de idade e hoje, com 47 anos de vida, mantém seu amor pelo esporte. Também é presidente da Associação de Skatistas de Indaiatuba (ASKIN).

“Todos os dias, começamos a aula com aquecimento físico e partimos para as técnicas de skate. Em poucos dias, os iniciantes já estão se equilibrando no equipamento. Depois disso, é melhorar a cada dia”, destaca o instrutor. “Mas também ensinaremos um pouco da história do esporte, como montar seu skate e respeitar as normas do Skate Park, já que andar em uma pista é muito diferente de andar nas ruas”.

Para quem não possui os equipamentos necessários, a Prefeitura de Indaiatuba, por meio da Secretaria Municipal de Esportes, colocará à disposição 20 skates com equipamentos de proteção como capacete, joelheira e cotoveleira, todos constantemente higienizados. “Queremos que todos tenham a chance de participar e treinar”, ressalta Marquinhos.

Inscrições

As inscrições acontecem no Skate Park e é necessária a presença do pai ou responsável da criança ou adolescente. “Começaremos com dez alunos por turma, mas se a demanda crescer, podemos organizar novos dias e horários. Tudo dependerá da procura da população”, enfatiza Cobra. Os protocolos para combate à Covid-19 serão respeitados, como o uso de máscara, aferição de temperatura, higienização das mãos e distanciamento (atividades coletivas estão liberadas).

O instrutor afirma que a procura pelo Skate Park nesta faixa etária dos 6 aos 14 anos aumentou muito, principalmente depois que a skatista Rayssa Leal, de apenas 13 anos, conquistou a medalha de prata nas Olímpiadas de Tóquio. “Frequento o Skate Park há anos e desde as Olímpiadas, percebi um aumento muito grande no número de praticantes de skate. Não apenas de Indaiatuba, mas de cidades da região também. Isso é muito gratificante”, aponta o instrutor.

Para o futuro, a Secretaria Municipal de Esportes espera montar uma equipe para participar de eventos oficiais. “Atualmente, temos em nossa equipe cinco skatistas de Vertical (half pipe) e cinco de Street. Estamos descobrindo novos talentos. O intuito agora é formá-los e oferecer a chance de se tornarem atletas profissionais”, destaca Cobra.

As inscrições começam na segunda-feira (18), diretamente no Skate Park de Indaiatuba, com os professores. Mais informações pelo telefone (19) 3834-7472. O Skate Park de Indaiatuba fica na Avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, no Jardim Esplanada.

Notícias relacionadas

PUBLICIDADE

Notícias

Estádio do Pacaembu terá hotel com 50 quartos no espaço onde ficava o tobogã

Artigo

em

Por

Um hotel com 50 quartos será uma das atrações do complexo de nove andares que a ser erguido no lugar do tobogã no Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, o Pacaembu. A novidade no projeto foi anunciada nesta terça-feira (30) durante uma entrevista com jornalistas no estádio que contou com a presença do prefeito Ricardo Nunes (MDB) e de Eduardo Barella, empres…

LEIA TAMBÉM

Continue lendo

Notícias

Dia Mundial da Luta Contra a Aids terá evento de testagem rápida para HIV e sífilis na quarta-feira no Boulevard da Cecap

Artigo

em

Por

  • Publicação: 30/11/2021 15:51h
  • Redator(es): Gabriel Beccari
  • Release N.º: 1444

A Secretaria de Saúde de Indaiatuba, em razão ao Dia Mundial do Combate à Aids, comemorado no dia 1º de dezembro, participará da 14ª Campanha Fique Sabendo 2021 – Tome uma atitude: Troque preconceito por respeito, campanha estadual que ocorre entre os dias 1º e 7 de dezembro. Em Indaiatuba a ação será realizada apenas na quarta-feira, 1º de dezembro, das 10h às 18h, no Boulevard da Cecap com a testagem de HIV e sífilis em todo público que se interessar em saber do seu status sorológico.

O Dia Mundial da Luta Contra a Aids é 1º de Dezembro, com o tema Tome uma atitude: Troque Preconceito por Respeito, mas no Brasil desde 2017 através da Lei 13.504/2017, se instituiu o Dezembro Vermelho, onde se trabalha este mês inteiro dedicado a atividades direcionadas ao enfrentamento do HIV/Aids e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

O HIV/Aids é uma doença de transmissão sexual que ataca o sistema imunológico, responsável por defender o organismo de doenças. Ter o HIV não é a mesma coisa que ter Aids. Há muitos soropositivos que vivem anos sem apresentar sintomas e sem desenvolver a doença. Mas podem transmitir o vírus a outras pessoas pelas relações sexuais (oral, anal e vaginal) desprotegidas (sem uso da camisinha), pelo compartilhamento de seringas contaminadas ou de mãe para filho durante a gravidez e a amamentação, quando não tomam as devidas medidas de prevenção. Por isso, é sempre importante fazer o teste e se proteger em todas as situações.

A Campanha é uma ação de intensificação da testagem rápida junto às populações e vem sendo uma importante atividade para a erradicação do HIV/Aids. Promover o acesso aos teste rápidos, ampliar o número de pessoas que conheçam seu status sorológico, vincular o portador à referência e ofertar o tratamento imediatamente após o diagnóstico é parte essencial do enfrentamento da Aids.

A Campanha tem como objetivo estimular a população sexualmente ativa e que nunca realizou nenhum exame para conhecer sua situação sorológica, a realizar a testagem para o HIV, Sífilis, destacando a importância do diagnóstico precoce destes agravos.

Este ano a Campanha será realizada utilizando-se dos testes rápidos e sorologias convencionais e estará disponível em todos os serviços de saúde do município durante o período da Campanha.

A Equipe do SAE/CTA, de Indaiatuba, estará realizando uma ação de testagem rápida para o HIV e a Sífilis no Boulevard da Cecap no dia 1º de dezembro, das 10h às 18h, para toda a população que tiver interesse em conhecer seu status sorológico.

Notícias relacionadas

Continue lendo

Notícias

Primeira parcela do décimo terceiro deve ser paga até hoje

Artigo

em

Por

Um dos principais benefícios trabalhistas do país, o décimo terceiro salário tem a primeira parcela paga até hoje (30). A partir de amanhã (1º), o empregado com carteira assinada começará a receber a segunda parcela, que deve ser paga até 20 de dezembro.

Essas datas valem apenas para os trabalhadores na ativa. Por causa da pandemia de covid-19, o décimo terceiro dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi antecipado pelo segundo ano seguido. A primeira parcela foi paga entre 25 de maio e 8 de junho. A segunda foi depositada de 24 de junho a 7 de julho.

LEIA TAMBÉM

QUEM TEM DIREITO

Segundo a Lei 4.090/1962, que criou a gratificação natalina, têm direito ao décimo terceiro aposentados, pensionistas e quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 15 dias. Trabalhadores em licença maternidade e afastados por doença ou por acidente também recebem o benefício.

No caso de demissão sem justa causa, o décimo terceiro deve ser calculado proporcionalmente ao período trabalhado e pago junto com a rescisão. No entanto, o trabalhador perde o benefício se for dispensado com justa causa.

CÁLCULO PROPORCIONAL

O décimo terceiro salário só será pago integralmente a quem trabalha há pelo menos um ano na mesma empresa. Quem trabalhou menos tempo receberá proporcionalmente. O cálculo é feito da seguinte forma: a cada mês em que trabalha pelo menos 15 dias, o empregado tem direito a 1/12 (um doze avos) do salário total de dezembro. Dessa forma, o cálculo do décimo terceiro considera como um mês inteiro o prazo de 15 dias trabalhados.

A regra que beneficia o trabalhador o prejudica no caso de excesso de faltas sem justificativa. O mês inteiro será descontado do décimo terceiro se o empregado deixar de trabalhar mais de 15 dias no mês e não justificar a ausência.

TRIBUTAÇÃO

O trabalhador deve estar atento quanto à tributação do décimo terceiro. Sobre o décimo terceiro, incide tributação de Imposto de Renda, INSS e, no caso do patrão, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. No entanto, os tributos só são cobrados no pagamento da segunda parcela.

A primeira metade do salário é paga integralmente, sem descontos. A tributação do décimo terceiro é informada num campo especial na declaração anual do Imposto de Renda Pessoa Física.

PANDEMIA

A situação dos trabalhadores com contrato suspenso ou com jornada reduzida com diminuição proporcional dos salários, porque fecharam acordo durante a segunda onda da pandemia de covid-19, seguiu o modelo do ano passado. Para os contratos com jornada reduzida, o décimo terceiro e as férias devem ser pagos de forma integral.

No caso de suspensão de contratos, o período não trabalhado será descontado do décimo terceiro. No entanto, para manter a harmonia com a legislação, o mês em que o empregado tiver trabalhado 15 dias ou mais será contado como mês inteiro e será pago.

Os critérios para o pagamento do décimo terceiro nessas situações foram definidos por nota técnica do Ministério do Trabalho e Previdência. Embora a nota técnica não tenha força de lei, equivale à interpretação da norma pelo governo e será levada em conta pelos auditores fiscais do trabalho nas fiscalizações das empresas.

(Fonte: Agência Brasil)

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS

Copyright © 2021 powered by Tribuna de Indaiatuba.